Tamanho da fonte

Solenidade marca assinatura de empréstimos do Banco do Povo



Prefeito Roberto Francisco participou do evento, realizado na quarta-feira (21)
Por.:Aline Gomes , MTB: 64.010

O prefeito de Praia Grande, Roberto Francisco dos Santos, participou na quarta-feira (21), em seu Gabinete, de solenidade que marcou assinatura de três contratos de empréstimo a microempresários da Cidade, por meio do Banco do Povo. O evento teve a participação dos empreendedores beneficiados, de representantes da Secretaria Estadual do Emprego e Relações do Trabalho, Banco do Brasil, do Banco do Povo Paulista e das Secretarias municipais de Relações de Emprego e Trabalho (Seret) e Promoção Social (Sepros).

“Quero parabenizar a Seret, os funcionários e também a Sepros que, por onze anos cuidou do Banco do Povo. Solicitei ao secretário de Relações de Emprego e Trabalho que divulgasse o Banco do Povo Paulista para os trabalhadores da praia. Pedi para que ajudasse essas pessoas que trabalham na orla com o microcrédito oferecido pelo Banco do Povo, para eles possam trocar seus carrinhos, cadeiras de praia, guarda-sóis e, dessa forma, melhorar seu poder aquisitivo”, afirma o prefeito.

De acordo com o secretário da Seret, Getúlio de Matos, o Banco do Povo Paulista é um órgão do estado que trabalha em parceria com o Banco do Brasil e a Seret funciona como um agente. “Nossa equipe tem três agentes do Banco do Povo e com eles conseguimos aumentar o volume de negócio em mais de 60% este ano. Graças aos nossos funcionários, à imprensa que nos ajudou na divulgação e às nossas campanhas, conseguimos beneficiar muito mais pessoas do que nos anos anteriores. Pra o próximo ano, já temos algumas campanhas voltadas para motoboys, pessoas que trabalham com cosméticos, entre outros profissionais”.

Ele afirma ainda que a presença da secretária de Promoção Social e presidente do Fundo Social de Solidariedade, Maria del Carmem Padin Mourão, a dona Maruca, é de extrema importância para a solenidade, pois antes da Seret ser criada (começo de 2011), a Sepros é que era responsável pelo Banco do Povo e boa parte de seu sucesso. “Dos cerca de R$ 2,1 milhões já emprestados ao longo dos 11 anos de banco do Povo em Praia Grande, quase R$ 1,8 milhão foram emprestados na época da gestão da Sepros”, afirma o secretário.

Já dona Maruca parabeniza a Seret pela continuação do trabalho. “O Banco do povo também é um projeto social, à medida que ele gera renda e que as pessoas montam seu comércio através do microcrédito. Isso acaba gerando empregos na comunidade, aumentando a renda nas famílias e aquecendo o comercio local.
Quero parabenizar a Seret e torcer para que mais pessoas consigam se beneficiar”.

O secretário adjunto da Secretaria de Emprego e Relações do Trabalho do Estado de São Paulo, Rogério Barreto, diz que a evolução do Banco do Povo Paulista de Praia Grande é bastante significativa, assim como, o crescimento em todo o estado. “Já emprestamos R$ 125 milhões em todo o estado, a meta para 2011 era de R$ 120 milhões. Em 2012 pretendemos emprestar mais de R$ 150 milhões no estado”, afirma.

Beneficiados- Os três microempreendedores presentes na solenidade assinaram seus contratos e já terão disponibilizados seus empréstimos para ampliarem seus negócios. Maria Madalena de Carvalho Sartori, proprietária de uma Banca de Jornal, adere ao empréstimo para reformar a banca. “É a primeira vez que faço um empréstimo do Banco do Povo, estou muito feliz, pois com esses R$ 5 mil, eu poderei deixar minha banca como nova. As parcelas cabem no meu orçamento e os juros são menores que todos os outros, apenas 0,5% ao mês”.

Já o caminhoneiro, Carlos Alberto Rodrigues, assina o segundo contrato com o Banco do Povo Paulista. “Desta vez vou usar os R$ 2.300 que emprestei para pagar a manutenção do caminhão, como troca de óleo, filtro e regulagem do motor. Da outra vez utilizei o crédito para trocar os pneus. Não tem coisa melhor, as condições são ótimas”, comenta.

Ana Cláudia da Silva Castro de Oliveira, há quatro anos fez um curso de bordados e pedrarias no Programa de Integração e Cidadania (PIC) do bairro Melvi e começou a vender sandálias bordadas. “Foi aumentando as vendas de sandálias e resolvi abrir uma loja com incentivo e apoio da professora do PIC. Minha loja está crescendo muito e vou utilizar o crédito de R$ 3 mil para investir em pedrarias e peças novas. As pessoas sempre procuram novidades”.

Ela conta ainda sobre a facilidade que teve em conseguir o crédito. “Não teve burocracia, foi rápido. Vou pagar valores bem baixos, em 18 prestações. Dá até pra pagar antecipado e futuramente pegar um novo empréstimo para investir ainda mais”, finaliza.

Banco do Povo Paulista - Destinado a empreendedores formais ou informais, cooperativas ou formas associativas de produção ou trabalho, o banco do Povo Paulista oferece crédito de R$ 200,00 a R$ 15 mil com taxa de juros de apenas 0,5% ao mês. Em 2009, o Banco emprestou R$ 188.462,49; em 2010 foram R$ 195.970,23, o que representou crescimento de 3,98%. Já em 2011, até 14 de dezembro, foram emprestados R$ 315 mil, o que representa um crescimento de 61%. O Banco do Povo está localizado na Avenida Ministro Marcos Freire, 6.650, na Seret.

Av. Ministro Marcos Freire n°6650 - Jd. Quietude - Praia Grande - SP - Tel (13) 3471-1224 (13) 3473-4882